"Um pouco de vida, outro de poesia..."

Um livro escrito com muito carinho.

De alma para alma, com o coração grato, aberto.

Pra fortalecer. Para seguirmos... Com um pouco mais de leveza, esperança e fé.

Juntos!

 

Rita Maidana

-------------------

 

344 Páginas

Acabamento: Brochura

Formato : 14x21

Lançamento 2018

Editora Via Pampa - RS

Livro Escrevinhadeira

R$ 58,00Preço
  • Há algum tempo recebi um poema muito bonito intitulado ”Catador de Lindezas”. Fiquei encantada. Li várias vezes, como se quisesse perfumar mais e mais o coração com a poesia que emanava. Com a ternura que dizia. Com o ambiente luminoso que criava. Tem texto que a gente lê que faz sorrir, tamanha a delicadeza com que nos toca. Este é assim, faz sorriso.

    As primeiras vezes que recebi “Catador de Lindezas” foram por meio de mensagens do WhatSapp e ele me chegou sem crédito autoral. Fiquei surpresa por uma preciosidade como essa circular por aí sem fazer referência ao autor. O mundo daria ainda algumas voltas até que, finalmente, eu descobrisse, graças a um vídeo recebido, que ele é obra da escritora gaúcha Rita Maidana, à época já minha amiga na rede social, mas de quem eu ainda não conhecia muito. Por pouco tempo.

    Conheci Rita por meio da página “Escrevinhadeira”, criada por ela no Facebook. Li alguns textos, fui à procura de outros, e encontrei a sua página pessoal. Solicitei amizade e ela, muito gentil, me mandou uma mensagem carinhosa ao aceitar. Para minha surpresa, descobri que também era leitora dos meus textos. Tratava-se de uma admiração recíproca dessas que acontecem devagarinho e um dia nos surpreendem.

    Em “Escrevinhadeira”, seu segundo livro, a autora nos presenteia com aquele mesmo traço delicado que conheci tempos atrás no poema querido. Seus textos tocam o leitor ao falar de família. Amizade. Busca. Crescimento. Fé. Convida quem segue junto pelas linhas para ouvir sobre os presentes divinos da natureza. Sobre olhares que apreciam belezas. Sobre ouvidos que encontram passarinhos. Sobre simplicidades. Seu texto tem coração, tem poesia, conversa com a gente, traz luz.

    No novo livro, Rita Maidana chama o leitor para perto, puxa uma cadeira, e conta. Compartilha o que vive. O que vê. O que acredita. O que sente. É obra para se ler com tempo, passeando pelas frases, percebendo miudezas, recebendo carinho. É obra para se visitar com olhar-borboleta, pousando os olhos com leveza, colhendo o néctar com cuidado, saboreando sem pressa. Afinal, a escritora tem delicadeza, claridade nas palavras, texto que faz sorrir.  

    Rio de Janeiro, 27 de outubro de 2018.

    Ana Jácomo